terça-feira, março 25

Resenha - A Bandeja, qual pecado te seduz? - Lycia Barros

Oi gente, 

esse não era o post para hoje mas senti uma vontade imensa de falar da minha leitura mais recente A Bandeja, qual pecado te seduz? da autor nacional Lycia Barros.
Ganhei esse livro de duas pessoas que amo muito, minha tia Luiza e minha mãe Solenita, cara eu olhei pro livro e confesso que nem o titulo nem a capa me atraíram, e tava tão assim que não queria ler nem a sinopse, mas então li o prefácio, onde a autora diz "Se esse livro está em suas mãos é porque Deus quer falar com você", então eu abri meu coração para ouvir a história nele contida;


Bom, é uma historia INCRIIIIIIIVEL, Angelina passa para uma faculdade de literatura fora da sua cidade, então já não vai ter a proteção e vigilância dos seus pais que são bastante religiosos, é ai que ela se liberta, conhece um professor que é bem novo e começam ai seu romance, Alderico (Rico) é tipo o sedutor da historia, meio Cristian Grey sabem?! pois é, ai eles começam a se encontrar e namorar e ela inclusive chega a passar dos limites com ele, depois ela descobre muitas coisas sobre ele, mas ela está presa ai relacionamento de uma forma tão profunda que parece idolatria, sem ele é como se não existisse nem ar para ela respirar...
Nesse tempo todo ela estava longe de Deus, mas com tanta coisa acontecendo ela vai se aproximando do seu único e verdadeiro consolador. Cara, pense num livro incrível, ele nos mostra como Deus apesar de estarmos querendo nos afastar Deus nos da uma atenção profunda, nunca nos abandona e não deixa de nos amar por nada. E devemos reconhecer isso, reconhecer o quão ele é maravilhoso, ver as bençãos que Ele sempre SEMPRE nos dá.Esse livro nos mostra que ser cristão não é viver mais ou menos com Jesus, trata-se de uma entrega pessoal e verdadeira. 
Nesse livro são fortalecidos princípios e preceitos que têm sido deixados de lado, como o fato da família, a escolha esperar, a escolha por você e a melhor escolha de alguém, a por cristo.
Faça essa escolha, converse com Deus, conte seus medos e problemas, acredite ele não deixa nunca NUNCA um filho dele desamparado. Se for para chorar, que chore aos pés do senhor. Se for para se humilhar, se humilhe para Deus.
Esse é meu recado para vocês.

Até a próxima. Beijos.


Um comentário:

Anônimo disse...

Senti Deus usando essas palavras. Glória a Ele.